Ouça agora na Rádio

N Notícia

Temer anuncia redução de R$0,46 no óleo diesel por 60 dias e espera fim da paralisação

FOTO: © Divulgação/ Wikimedia Commons

Temer anuncia redução de R$0,46 no óleo diesel por 60 dias e espera fim da paralisação

O presidente Michel Temer fez um pronunciamento na noite deste domingo (27) para anunciar medidas que foram tomadas pelo governo para tentar atender às reivindicações dos caminhoneiros, em greve há 7 dias.

Informações compartilhadas Sputnik Brasil

Uma das medidas anunciadas pelo presidente foi a redução de R$ 0,46 no preço do óleo diesel pelos próximos dois meses. O desconto corresponde aos valores da Cide e do PIS/Cofins somados.

"Para chegar nesse valor o governo está cumprindo sacrifícios no Orçamento e certamente irá fazer esses sacrifícios sem prejudicar a Petrobras", garantiu Temer.

Temer disse que após o congelamento de 60 dias, os reajustes serão feitos mensalmente.

"Assim, cada caminhoneiro poderá planejar seus custos e o valor do frete. É a chamada previsibilidade", afirmou.

Durante o pronunciamento, Temer anunciou que irá publicar uma Medida Provisória (MP) que isenta a cobrança de pedágio dos chamados eixos suspensos, ou seja, quando o caminhão estiver trafegando sem muito peso de carga.

Outra MP anunciada pelo presidente foi a que garante a caminhoneiros autônomos 30% dos fretes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

O presidente também anunciou a Medida Provisória que estabelece uma tabela mínima de frete, conforme está previsto no Projeto de Lei 121/2017, em tramitação no Senado.

"A decisão de editar essa MP foi tomada após diálogo que mantive com o senador Eunício Oliveira, presidente do Senado Federal", declarou Temer.

O presidente garantiu que as medidas anunciadas neste domingo não anulam as medidas negociadas durante a semana.

"As medidas que acabo de anunciar atendem praticamente todas as reinvindicações que nos foram apresentadas", concluiu.

FONTE: SPUTNIK BRASIL
Link Notícia

Leia também